domingo, 10 de dezembro de 2017

"Para a Cruz Vermelha alemã".

Certamente, a Cruz Vermelha, seja uma das entidades humanitárias internacionais mais conhecida entre as pessoas. No "mundo muçulmano", ela é conhecida como "Crescente Vermelho". Ela foi fundada na cidade de Genebra, na Suíça, por Jean-Henri Dunant, em 1863. Atualmente, a organização tem um total aproximado de 97 milhões de voluntários.

A Cruz Vermelha é um tema recorrente em inúmeras emissões comemorativas, em diversos países, entre os quais, o Brasil. Fora a quantidade incomensurável de carimbos, cinderelas, flâmulas, inteiros e demais documentos postais relacionados ao assunto, especialmente, em contextos de conflitos militares, como por exemplo, a Segunda Guerra Mundial.

"Para a Cruz Vermelha alemã".

O item que faz parte desta postagem é um envelope circulado entre as cidades de Praga (República Tcheca, ??/??/1940) e Salzwedel (Alemanha, 02/07/1940). Trata-se, de uma carta registrada com "pagamento na contra entrega", Nachnahme - como é conhecido o sistema na língua alemã. Ele equivale ao nosso sistema de reembolso postal

Figura 1: frente do envelope. Coleção: Wilson de Oliveira Neto (São Bento do Sul, SC).

As taxas referentes ao porte, ao registro e ao reembolso foram pagas através da aplicação de um conjunto de selos postais regulares e comemorativos, emitidos pelos correios do Protetorado da Boêmia e Morávia. Entre os selos fixados, está a série comemorativa "Rotes Kreuz", formada por dois valores, 60 Centavos e 1,20 Coroas, lançada em 29 de junho de 1940 [1].

Ambos valores foram sobretaxados, respectivamente, 40 e 80 Centavos. Ou seja, além de pagar o valor facial para o porte, o remetente pagou um valor extra, destinado para a Cruz Vermelha alemã, daí o sentido da sua emissão. Trata-se, de uma série muito bem produzida, com apêndices sobre os quais foi impressa em alemão e tcheco a seguinte frase: "Para a Cruz Vermelha alemã", além do símbolo da Cruz Vermelha nazificado.

Böhmen und Mähren.

Protetorado da Boêmia e Morávia foi um dos territórios europeus sob o controle alemão entre 1935 e 1945, nos contextos do expansionismo territorial da Alemanha na Europa e da Segunda Guerra Mundial. As primeiras emissões postais ocorreram em 15 de julho de 1939, com selos regulares da Tchecoslováquia com sobre estampas. Já a última emissão, foi lançada em 01 de fevereiro de 1945, um selo regular com a efígie de Adolf Hitler [2].

Entre 1939 e 1945, foram emitidas três séries de selos postais comemorativos e com sobretaxa para a Cruz Vermelha alemã, respectivamente, em 29 de junho de 1940 (Mi., 53-54), 20 de abril de 1941 (Mi., 62-63), 01 de setembro de 1942 (Mi., 111-112) e 16 de setembro de 1943 (Mi., 132) [3].

Notas:

[1] - MICHEL. Junior-katalog in farbe 2010: der kleine Deutschland-katalog in farbe. München: Schwaneberger Verlag GMBH, 2010, p. 107.
[2] - Ibidem, p. 109.
[3] - Ibidem, p. 107 - 109.

Um comentário:

  1. Belissíma carta Wilson, valeu amigão, abraço...J.Rodrigues

    ResponderExcluir